Confira o volume 4 da revista LALCA

23/06/2020

Em Emissões de GEE evitadas em Cabo Verde: estimativa em um cenário de adoção de fontes energéticas renováveis em 2025, os pesquisadores Gabriel Leuzinger Coutinho e João Nildo Vianna estimam as emissões de gases de efeito estufa (GEE) que seriam evitadas, caso o plano apresentado em 2017 (de que, em 2025, ao menos 50% de sua energia elétrica fosse gerada por fontes renováveis) seja executado.

A partir da utilização do método de ACV das fontes renováveis, foram calculadas as emissões que seriam evitadas com a não utilização de usinas termelétricas para gerar a energia que passaria a ser fornecida no arquipélago no período indicado.

Já a pesquisa argentina Estado da arte da aplicação de ferramentas de otimização com base na avaliação do ciclo de vida na produção de frutos e subprodutos de citrino, de Maria Emilia Iñigo Martínez e Alejandro Pablo Arena, busca encontrar coincidências, diferenças e lacunas em artigos científicos existentes sobre a metodologia de ACV e sua aplicação para otimizar a produção de frutas cítricas e derivados.

Os pesquisadores fizeram a revisão e a seleção do material científico de acordo com as publicações que utilizaram a metodologia ACV, as técnicas de otimização e a combinação das duas metodologias para, em seguida, avaliar, de acordo com as diretrizes das ISO 14040 e 14044, que apresentam os princípios e procedimentos necessários para a ACV de produtos.

LALCA é um periódico do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict) e, desde o volume 3 (2019), passou a publicar artigos na modalidade de publicação contínua, ou seja, logo após a revisão e a diagramação, sem necessidade de aguardar o fechamento de uma edição com um número mínimo de artigos, como era feito anteriormente.

As submissões para a LALCA são analisadas por uma equipe multidisciplinar de especialistas, observando os princípios do rigor científico e a qualidade da pesquisa, e podem ser realizadas pelo site da revista. Após breve cadastro, é preciso verificar se o trabalho está em acordo com o escopo da revista e seguir os próximos passos. Serão aceitos artigos em língua portuguesa, espanhola, ou inglesa, com resumos nas três línguas, obrigatoriamente.

Para submeter seu trabalho, clique aqui.

Lucas Guedes
Núcleo de Comunicação Social do Ibict